Jacques Tranier, o presidente da Vinovalie, um grupo de produtores do Sudoeste francês, estava de férias em 2003 perto de Saint Tropez, na Côte d’Azur, quando num bar viu o garçom servir vinho rosé em taças de Cognac com gelo. A maioria das pessoas que pedia eram mulheres e bebiam isto do início ao final da refeição, do aperitivo ao digestivo. Curioso pediu uma taça, mas o vinho se por um lado estava geladinho e refrescante graças ao gelo, por outro ficava aguado, diluído e sem sabor. O conceito estava ali, mas faltava o produto. De volta ao batente pediu aos enólogos da casa que se debruçassem sobre o problema e que achassem uma solução. Enquanto isso Jacques ficou pensando no nome e na embalagem. Cores que remetessem ao verão e à Côte d’Azur que o inspirou. Praia, piscina, vinho rosé, gelo, taça grande… o “brain storm” no marketing apontou a solução: Rosé Piscine. As cores claras e o azul do mar remetendo à praia do Mediterrâneo. Um copo tipo de uísque foi desenvolvido para o serviço específico, nada de improvisar com a taça do Cognac. Afinal, tinha de ser servido com gelo. Em 2004 o Rosé Piscine foi lançado na França. A uva autóctone do sudoeste da França: Negrette, com um aroma sedutor e maior concentração de açúcar, exige o consumo com gelo para se atingir o equilíbrio e torna o Rosé Piscine uma bebida charmosa e refrescante

Peso 1.750 kg
Dimensões 36 × 20 × 25 cm
Tipo

Fabricante

Teor Alcoólico

Temperatura de serviço